Buscar

14/09/2021 15/09/2021 11:42m


Prefeitura lança o programa Emprega Santa Maria para auxiliar na reinserção ao mercado de trabalho


Imagem: Reprodução/Prefeitura

Iniciativa é uma parceria com a Agência FGTAS/Sine Santa Maria para pessoas atendidas pelas políticas públicas de assistência social do Município e integra o Programa de Apoio ao Setor Produtivo

A Prefeitura de Santa Maria, por meio das secretarias de Desenvolvimento Social e de Saúde e do Gabinete do Prefeito, lançou, durante uma live na noite desta terça-feira (14), o programa Emprega Santa Maria. Criada a partir de parceria com a Agência Santa Maria da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS)/Sine, a iniciativa buscar promover a empregabilidade para pessoas em situação de risco, como mulheres vítimas de violência doméstica, e de vulnerabilidade social. O propósito é auxiliar na reinserção dessas pessoas no mercado de trabalho.

Junto com o Programa Juro Zero, o Emprega Santa Maria integra o Programa de Apoio ao Setor Produtivo, da Prefeitura, que prevê ações de retomada econômica dos impactos causados devido à pandemia de coronavírus. O Emprega Santa Maria vai atuar em duas frentes. 

Uma delas é o “Mulher”, que busca o ingresso e a reinserção no mercado de trabalho de mulheres em situação de risco acolhidas pela rede de políticas públicas de assistência social e de saúde do município. A outra frente é o “Inclusivo”, que objetiva o ingresso e a reinserção no mercado de trabalho de pessoas acolhidas pela rede de políticas públicas de assistência social do município e de quem fez os cursos profissionalizantes pelo programa Bolsa Família.

“Este é um trabalho que já é feito há anos pelas políticas públicas de assistência social do Município. O diferencial do Emprega Santa Maria é a parceria da Agência Santa Maria FGTAS/Sine, que, há cerca de um mês, já trabalha conosco nesses encaminhamentos específicos, pensados para esses grupos”, conta o prefeito Jorge Pozzobom.

O vice-prefeito, Rodrigo Decimo, avalia que este é um programa fundamental, pois amplia a geração de emprego. 

“Esse processo todo, que vem por meio do Emprega Santa Maria, desta parceria, vem se somando o Pacote de Apoio ao Setor Produtivo, que a Prefeitura já vem desenvolvendo. E cito aqui o Juro Zero, a Lei de Liberdade Econômica, que fazem parte deste pacote, e também o Emprega Santa Maria, para que possamos vencer essa crise sanitária mundial, e que agora conseguimos ver uma luz no fim do túnel”, salienta Decimo.

O secretário de Desenvolvimento Social, João Chaves, reforça a fala do chefe do Executivo Municipal e recorda que o acolhimento e o encaminhamento das pessoas em situação de vulnerabilidade social pelas políticas públicas de assistência social já vinham ocorrendo há muito tempo. Contudo, a partir da Patrulha da Solidariedade, iniciativa realizada em julho deste ano, a gestão municipal optou por ampliar os atendimentos com foco na empregabilidade.

“No dia 6 de agosto, tivemos a primeira reunião com o pessoal da Agência Santa Maria FGTAS/Sine e, em seguida, começamos este trabalho conjunto. Agora, lançamos oficialmente o Emprega Santa Maria já com uma ideia mais concreta de como o programa funciona. Esse trabalho se ramificou a partir da Patrulha da Solidariedade, e esperamos que siga se intensificando”, destaca Chaves.

Para a secretária adjunta de Saúde, Ana Paula Seerig, o programa como um todo é importante, mas acredita que a atenção às mulheres é um grande diferencial.

“A Saúde integra o programa porque alguns casos chegam ao Município pela nossa pasta, pelos projetos sociais da saúde, como o espaço Bem Me Quer. O Emprega Santa Maria – Mulher é muito bom, porque é uma forma de dar oportunidades para mulheres em situação de risco, muitas delas que sofrem violência doméstica, de se emancipar, de terem uma chance de mudar a própria realidade”, avalia Ana Paula.

Com o primeiro encaminhamento pela parceria realizado em 9 de agosto, conforme a agência FGTAS/Sine, até esta terça-feira (14) já são 11 pessoas encaminhadas para 18 entrevistas de emprego. Até o momento, esses encaminhados não foram efetivados, e há os que aguardam retorno das empresas. Ainda assim, o coordenador da agência FGTAS/Sine em Santa Maria, Ronei Gamboa, o Emprega Santa Maria já é um sucesso.

“É uma ótima iniciativa do governo municipal, que já mostrou bons resultados nesses cerca de 30 dias em andamento. O Sine está sempre pronto para atender e, dar essa atenção, para esse grupo de pessoas, a partir das políticas públicas de assistência social e de saúde do Município, dá mais embasamento para que as pessoas consigam emprego. Porque, assim, vão estar atendidas com apoio psicológico, com estrutura”, pontua Gamboa.

O coordenador regional ADS da FGTAS/Sine Santa Maria, André Agne Domingues, além de reforçar a parceria entre Prefeitura e a agência, pediu que a as empresas também se engajem neste programa. Seja com oferta de vagas, com contratações e com quais outras formas puderem colaborar. 

“Nós estamos diante da promoção de um estado de colaboração, de ações informativas, inclusivas, e é fundamental unirmos esforços, Prefeitura e Governo do Estado, pensando, incluindo e promovendo o outro. O trabalho é que dignifica o ser humano. Então, nós precisamos da sociedade civil se engajando, procurando a unidade da FGTAS/Sine, a Secretaria de Desenvolvimento Social, para entender como pode ajudar, como pode abrir vagas, tendo esta empatia”, conclui Domingues.

A live de lançamento do programa Emprega Santa Maria foi transmitida do Shopping Praça Nova.

O EMPREGA SANTA MARIA
– O Emprega Santa Maria é uma parceria entre a Prefeitura Municipal de Santa Maria e a Agência Santa Maria da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS)/Sine para promover a empregabilidade e aproximar os empregadores locais dos trabalhadores em duas frentes: 

Mulher: busca o ingresso e a reinserção no mercado de trabalho de mulheres em situação de risco acolhidas pela rede de políticas públicas de assistência social e de saúde do município

Inclusivo: busca o ingresso e a reinserção no mercado de trabalho de pessoas acolhidas pela rede de políticas públicas de assistência social do município e de quem fez os cursos profissionalizantes pelo programa Bolsa Família 

– Os encaminhamentos do Emprega Santa Maria ocorrem diretamente pela rede de políticas públicas de assistência social e de saúde do município. O funcionamento é com agendamento prévio, feito pela rede de políticas públicas de assistência social e de saúde do Município. Então, é realizado atendimento especializado a esse público, que consiste na intermediação de mão de obra, com o encaminhamento para participar de processos seletivos com as empresas que disponibilizam suas vagas com a agência FGTAS/Sine.

– Quem participa do Emprega Santa Maria também poderá contar com os demais serviços prestados pela agência FGTAS/Sine Santa Maria. Como encaminhamento ao benefício do Seguro-Desemprego, atendimento ao artesão e participação nos programas RS Trabalho, Emprego e Renda (RS TER) e Programa Gaúcho do Artesanato (PGA), que fomentam políticas de profissionalização, qualificação e comercialização.

– Mais informações podem ser obtidas com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Rua General Neto, 504, Centro), pelos telefones (55) 3921-7266 e (55) 97400-6490, com Naldo Vargas, ou pelo e-mail empregasantamariars@gmail.com.

Texto: Joyce Noronha (Mtb: 16.033)
Imagem: Reprodução/Prefeitura

Fotos: Alex Caceres (Prefeitura)
Arte: Gibran Carrazzoni e Eduardo Sendtko/Prefeitura
Secretaria Extraordinária de Comunicação
Prefeitura Municipal de Santa Maria




Fotos

Voltar | Mais Notícias | Página Inicial


Prefeitura Municipal de Santa Maria
Endereço:
Rua Venâncio Aires, 2277
Expediente externo: 8h30min às 13h30min
Telefone: (55) 3921-7000 CEP: 97010-005


Desenvolvimento SITI © Copyright 2021
Todos os direitos reservados.

Topo da Página | Página Inicial