Buscar

12/09/2017

A partir desta terça, UBS Wilson Paulo Noal conta com ponto de coleta para descarte de medicamentos

População poderá descartar medicamentos vencidos ou em desuso no ponto instalado na recepção da Unidade de Saúde (Foto: Deise Fachin)

Iniciativa é uma parceria da Prefeitura com a UFSM e será implantada também em outras seis Unidades de Saúde da Região Leste

 

O cuidado com a Saúde da população não se resume apenas a disponibilizar consultas e exames, por exemplo. A orientação também é fundamental para a promoção da Saúde. E é com essa intenção que a Prefeitura e a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) começaram, nesta terça-feira (12), a parte prática de um projeto de extensão que tem o objetivo de incentivar o descarte correto de medicamentos em desuso pela população.

O projeto já está em andamento desde 2016, mas, nesta terça, foram instaladas as primeiras caixas para o descarte dos remédios. O primeiro local a contar com a iniciativa é a Unidade Básica de Saúde (UBS) Wilson Paulo Noal, em Camobi. Entre esta e a próxima semana, as unidades Walter Aita, São José, Maringá, São Francisco, Pains e Arroio do Só, todas na Região Leste de Santa Maria, também terão pontos de coleta.

Para marcar o início da atividade na UBS Wilson Paulo Noal, a equipe responsável fez uma breve abertura na manhã desta terça, apresentando o projeto para os usuários que aguardavam atendimento na unidade. Na ocasião, também foi feito um trabalho de conscientização, em que foram entregues materiais explicativos – confeccionados pela própria equipe – sobre o tema para a comunidade.

“Cerca de 60% da população descarta inadequadamente os medicamentos e, a maioria, é porque nunca recebeu orientação. Queremos que, a partir de agora, vocês tragam até aqui os medicamentos que vocês não usam mais, que sobraram, que estão vencidos. Não se deve descartar na pia, no vaso sanitário. Tragam até aqui que faremos o descarte adequado”, ressaltou a professora do Departamento de Saúde Coletiva da UFSM e coordenadora do projeto, Valéria Limberger Bayer.

Durante a atividade, a equipe explicou que, periodicamente, acadêmicos da UFSM estarão realizando ações de orientação junto aos usuários. De acordo com a coordenadora da Política da Assistência Farmacêutica do Município, Salete Zago de Barros, a intenção, além de fazer o descarte correto dos medicamentos, é também evitar a intoxicação medicamentosa.

“Nosso objetivo é retirar esses medicamentos das casas de vocês, pois eles podem se transformar em uma arma para a população. Só o médico pode receitar um remédio e se você não usou, ele não pode ser usado por outra pessoa sem orientação. As principais vítimas de intoxicação são crianças e idosos e nós queremos promover o uso racional dos medicamentos”, explicou Salete.

Além da equipe da UBS, dos acadêmicos e professores responsáveis pelo projeto, também participaram representantes do Conselho Municipal de Saúde e da Secretaria de Saúde. Na ocasião, o superintendente da Vigilância em Saúde, Alexandre Streb, destacou a importância da ação, tanto para a população, quanto para o Executivo Municipal. “O gerenciamento correto dos resíduos e dos medicamentos traz um ganho para a segurança e a Saúde da comunidade, pois evita a contaminação, e também, para a Prefeitura, que tem uma despesa enorme com a destinação e poderá utilizar esses recursos de uma maneira melhor”, ressaltou.

A iniciativa de colocação do ponto de coleta agradou aos usuários. A aposentada Noeli Varaschini, 69 anos, afirmou que, por não ter conhecimento, descartava os remédios que estavam vencidos de maneira inadequada, sem saber que poderia trazer prejuízos para ela e para o Meio Ambiente. A usuária afirma que, a partir de agora, os medicamentos que não utiliza, terão destino certo.

“Eu não sabia mesmo onde a gente podia colocar, agora, vou dar uma revisada no que tenho lá em casa e trazer aqui”, contou.

Abaixo, confira a partir de quando as demais Unidades de Saúde da Região Leste contempladas com o projeto estarão com as caixas para coleta à disposição da comunidade. No mesmo dia, será feita a ação de conscientização. Ao longo de um ano, os acadêmicos farão atividades bimestrais de orientação à comunidade, além de fazerem também o monitoramento dos remédios que serão descartados pela população.

 

CRONOGRAMA DE INSTALAÇÃO DOS PONTOS DE COLETA

ESF Pains: 13 de setembro, às 13h30min

UBS Walter Aita: 14 de setembro, às 13h30min

UBS São Francisco: 15 de setembro, às 8h

ESF Maringá: 17 de setembro, às 9h30min

ESF São José: 19 de setembro, às 13h30min

ESF Arroio do Só: Data ainda não foi definida

 

Texto: Mariana Fontana (Mtb 17.770)
Foto: Deise Fachin
Superintendência de Comunicação
Prefeitura Municipal de Santa Maria

Fotos

         

Voltar | Mais Notícias | Página Inicial





Prefeitura Municipal de Santa Maria
Centro Administrativo, Rua Venâncio Aires, 2277
Expediente externo: 7h30 às 13
Telefone: (55) 3921.7000 CEP: 97010-005

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.

Topo da Página | Página Inicial