Buscar

17/07/2017 17/07/2017 08h37m

Em dois dias, 177 pessoas são atendidas para esclarecimentos sobre divergências de áreas construídas

Dos contribuintes que procuraram o Executivo, 170 concordaram que possuem áreas irregulares após o atendimento (Foto: João Vilnei)

Quem recebeu a notificação pode buscar atendimento no 1º andar do Centro Administrativo

 

A Prefeitura de Santa Maria, por meio da Secretaria de Finanças, deu início ao atendimento aos contribuintes de diferentes bairros do Município que receberam notificações por divergências de áreas construídas com relação ao que estava cadastrado no IPTU 2017.

Foram encaminhadas um total de 5.001 notificações, que começaram a chegar aos contribuintes, via Correios, na última quarta-feira (12). Desses, 177 procuraram o Setor de Recadastramento, entre a quinta (13) e a sexta-feira (14), para esclarecer as dúvidas quanto à cobrança. Do total, 170 concordam que possuem áreas irregulares, e apenas sete contestaram e solicitaram uma nova vistoria. 

"Eu vim para ver qual a situação, me informar para saber o que estava diferente. A gente tem que correr atrás para atualizar", comentou o militar Luíz Rogério Kramer, morador do Bairro Camobi que veio até a Prefeitura tirar dúvidas. 

Conforme a superintendente de Receitas do Município, Marilene da Cruz, cinco servidores da empresa Geomais Geotecnologia, responsável pelo Recadastramento Urbano do Município, estão à disposição da comunidade para esclarecer as dúvidas quanto à divergência das áreas. 

"É importante que o contribuinte, se tiver alguma dúvida ou se acredita que há divergência e precisa contestar a medição, venha até o Centro Administrativo para ser atendido. Os atendentes estão destinados a explicar todo o processo para a comunidade. Em média, 96% das pessoas que nos procuram, concordam que possuem áreas irregulares, conforme verificado pela empresa que realizou o recadastramento no Município.", ressalta Marilene. 

Segundo a superintendente, à medida que a empresa Geomais concluir o trabalho de recadastramento nos bairros, é liberado uma nova remessa de notificação à comunidade. No entanto, cabe ressaltar que a cobrança se refere apenas à área que está na propriedade e consta como não lançada. Os moradores que não apresentaram divergências nas áreas não receberão a notificação. De acordo com Marilene, o contribuinte irá receber, em cerca de 30 dias, a guia complementar do IPTU 2017, com o valor que deve ser quitado referente à área que estava divergente. 

 

Texto: Mariana Fontana (Mtb 17.770)
Fotos: João Vilnei (Mtb 18.086)
Superintendência de Comunicação
Prefeitura Municipal de Santa Maria





Prefeitura Municipal de Santa Maria
Centro Administrativo, Rua Venâncio Aires, 2277
Expediente externo: 7h30 às 13
Telefone: (55) 3921.7000 CEP: 97010-005

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.

Topo da Página | Página Inicial